DAQUELAS COISAS QUE NINGUÉM QUER SABER…


Ninguém quer saber o quanto eu fui e voltei. Ninguém quer saber o quanto eu gostaria de poder evitar esse post, seguir meu blog, sem dar satisfações dos meus sumiços constantes, mas sinto que devo dar.
Há aproximadamente nove anos de idade eu tive o meu primeiro contato com essa atmosfera, me recordo pois foi justamente na época em que eu fazia parte de um grupo de dança, então o meu primeiro blog foi sobre ele, e desde então sempre venho mantendo algum blog no ar.
Certamente que hoje já não tenho o mesmo tempo livre, muita coisa mudou, e continuará mudando, pois é a ordem natural das coisas. Pode ser que daqui há uns meses eu retorne a esse mesmo diálogo chato e vergonhoso, onde exponho minha falta de tempo e compromisso, mas o que eu quero ressaltar é que eu realmente sou afim de tocar esse blog, e que não importa o período que eu fique longe, ele é importante pra mim, é um universo particular que eu divido com vocês de maneiras diferentes e sempre recebi um retorno positivo e gratificante.
Hoje eu voltei, e só queria dizer mais uma vez: Olá, eu sou a Ana, do Preserve Suas Raízes!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *